Notícias

08/05/2015 - Uso racional da água
Empresas de logística ensinam como economizar o recurso e manter a frota limpa

Duas empresas, dois projetos sustentáveis exemplares. Coopercarga e JadLog, vencedoras do Prêmio Transporte Responsável 2014, promovido pela revista TRANSPORTE MUNDIAL em parceria com a Fabet (Fundação Adopho Bósio de Educação no Transporte), revelam como a adoção de políticas de preservação ambiental fazem a diferença na operação, em tempos de secura das principais reservas hídricas do país. Para Osni Roman, presidente da Coopercarga, a empresa buscava um meio de minimizar o impacto de suas atividades sobre os recursos naturais. "Fomos a campo buscar uma forma de reduzir o consumo de água na lavagem da nossa frota, bem antes de a falta de água ser tão impactante no país", relata o executivo.

 

O resultado se revelou uma importante forma de economizar para a empresa e ao mesmo tempo racionar o uso de água na limpeza dos 1.900 veículos da frota, bem como de outros equipamentos. Foi assim que surgiu o método de "lavagem a seco" na empresa, um método de higienização politicamente correto, isento de água. O início da operação ocorreu na unidade de São Cristóvão (RJ) e agora já está sendo implementada nas outras filiais no Brasil e Mercosul.

A lavagem a seco abrange os veículos pesados (cavalos e carretas), a maior parte, semipesados (truques e tocos), bem como a frota leve (VUCs) e carros de apoio da operação (passeio). Os veículos passam por limpeza e higienização completas semanais que consistem na aplicação do produto biodegradável e não abrasivo - uma espécie de xampu - e depois um pano para a retirada da sujeira.

 

 

O método reduziu quase que totalmente o uso da água. Roman reconhece a importância da iniciativa para o meio ambiente e também para as finanças da empresa. Segundo ele, cada carro de passeio consome cerca de 320 litros de água na lavação, volume que corresponde ao consumo diário de uma família de quatro pessoas. E a conta não para aí. 
A proporção de consumo de água entre a lavagem convencional e o método a seco é de 1.000 litros para seis. No início da operação, 80 veículos serviram de base para calcular os volumes comparativos gastos. Na lavagem convencional o consumo mensal é de 80.000 litros contra 480 litros no método a seco. "Além disso, temos que computar a infraestrutura utilizada, como baias próprias e rampas para fazer a lavação com água, além de investir em tanques mais produtos para água de reuso. Já o sistema a seco não exige nada além de mão-deobra", diz. 'Até aqui já economizamos 1.113.280 litros de água", completa Roman.

LAVA-RÁPIDO ECOLÓGICO
Na JadLog, empresa especializada no transporte de carga fracionada, a experiência de tratamento de água para reuso faz parte da política de cuidado ambiental que a empresa mantém com entusiasmo. O coordenador da frota da empresa, Ivan Vieira, conta que 80 veículos entre caminhões pesados, truques e tocos, mais os 30 furgões são limpos com água tratada em um lava rápido diferente. Instalado na sede da empresa na capital paulista, o lava rápido integra uma estação de tratamento que comporta dois tanques: um de 15 mil litros para decantação e um de 20 mil para armazenamento de água limpa, tanto tratada quanto captada das chuvas. No local, toda a água utilizada na área de lavagem é coletada e transferida para o tanque onde passa pelo processo de decantação.

 

 

Isso é feito com pastilhas biodegradáveis efervescentes, na proporção de um quilo para 200 litros de água. "Esse produto, inofensivo ao meio ambiente, age sobre os resíduos de óleos, graxas e outras impurezas oriundas da limpeza da frota. O tratamento leva ao todo três horas. A borra resultante é transportada para aterros credenciados", explica Vieira.
A etapa da lavagem dos veículos em si é feita com auxílio de compressores que transferem alta pressão à água, permitindo a retirada de todo tipo de resíduo. "O sistema completo evita desperdícios e torna a lavagem mais eficiente. As calhas instaladas no teto do local coletam a água das chuvas, um reaproveitamento ainda mais completo. A Jadlog economiza por volta de 85% de água em sua conta mensal de cerca de 200 mil litros de água, uma redução em torno de R$ 10 mil mensais na conta de água", revela Vieira.

 

Moreflex Borrachas
Rod. RS 240, Km 06 - Cx. Postal 30 - Portão/RS - Brasil
Tel. (51) 3562-9500
     
Desenvolvimento INET Solutions - © Todos os direitos reservados - Moreflex Ltda - 2010