Notícias

30/03/2016 - Tocantins inaugura 2 novos terminais intermodais de grãos
O Estado do Tocantins inaugurou ontem, terça-feira (29), dois novos terminais intermodais (integrando transportes rodoviário, ferroviário e portos), que permitirão um aumento no volume de grãos transportados com destino ao Porto de Itaqui, no Maranhão. Tratam-se unidades operadas pela empresa VLI, que receberam investimento de R$ 264 milhões.

Os ativos destinados ao transbordo e armazenagem de grãos estão localizados nas cidades de Porto Nacional e Palmeirante e fazem parte da estratégia da companhia para alavancar o crescimento do corredor logístico Centro-Norte. Trata-se de uma importante fronteira de produção agrícola, que engloba os Estados do Tocantins e Maranhão.

As unidades seguem o modelo dos terminais integradores implantados pela VLI em outras regiões do Brasil e funcionam como polos concentradores de carga, aumentando a agilidade do escoamento de produtos pela ferrovia até o porto. Juntos, os novos empreendimentos terão capacidade para movimentar por ano cerca de seis milhões de toneladas de produtos como soja, milho e farelo, adicionando mais capacidade de movimentação para o corredor Centro-Norte e representando uma alternativa de escoamento em larga escala para a produção agrícola brasileira.

"O governo federal apoia iniciativas dessa natureza, voltadas ao desenvolvimento do setor de transportes e ao desenvolvimento econômico do País. Parabenizo pelo importante papel que a empresa vem desempenhando no processo de transformação da logística no Brasil, enfatizou o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, ao participar da inauguração dos terminais, nesta terça-feira. Atualmente, o investimento total no corredor Centro-Norte chega a R$ 1,7 bilhão, entre investimentos públicos e privados.

Antonio Carlos Rodrigues lembrou que a retomada da construção das ferrovias no Brasil aconteceu, após muito anos, apenas no governo da presidenta Dilma Rousseff, que permitiu, neste período, a entrega de mais de mil quilômetros de novos trechos e ressaltou a relevância da Ferrovia Norte- Sul para o setor. "A Ferrovia Norte-Sul será a espinha dorsal do nosso sistema ferroviário e se destaca como importante rota de exportação, sua concessão à iniciativa privada vem permitindo o surgimento de um importante corredor logístico de escoamento da produção", disse o ministro.
Moreflex Borrachas
Rod. RS 240, Km 06 - Cx. Postal 30 - Portão/RS - Brasil
Tel. (51) 3562-9500
     
Desenvolvimento INET Solutions - © Todos os direitos reservados - Moreflex Ltda - 2010